sábado , outubro 16 2021
Home / Dicas valiosas / Como devo mudar meu gato para uma casa nova da forma correta?

Como devo mudar meu gato para uma casa nova da forma correta?

Por serem extremamente “territorialistas” os gatos desenvolvem vínculos fortes com o local onde vivem.

Para que os movimentos de mudança sejam menos estressantes para o felino, planejar-se com antecedência garantirá que a transição de uma casa para outra ocorra sem maiores problemas. Afinal, este é um momento de muito estresse para você e sua família, e fazer com que o seu gato não fique estressado acaba sendo um problema a menos para se preocupar!

Realocando o seu gato no momento da mudança…

Antes que o caminhão de mudança chegue é importante alocar o gato em um cômodo específico, o lugar ideal seria um quarto.

Coloque os comedouros, sua cama predileta, bebedouros, brinquedos e sua caixa de areia neste mesmo cômodo, isso fará com que o gato se mantenha entretido e tenha a sensação parecida com a sua rotina diária. Garanta que esta porta e os acessos por janelas se mantenham fechados.

Coloque um aviso na porta de modo que todos que acessarem a casa neste momento saibam que esta porta deve ser mantida fechada.

Quando todos os outros cômodos tiverem sido esvaziados, o conteúdo do quarto pode ser colocado no caminhão por último. Mas atenção, antes de começar a esvaziar este quarto é importante já colocar seu gato dentro da caixa de transporte e já levar ele para o carro fixando sua caixa de transporte com segurança no banco de trás para já levá-lo para a casa nova.

Chegando com seu gato na nova casa…

É muito importante que a primeira coisa que faça na casa nova seja montar o ambiente do mesmo quarto que o gato ficou esperando a mudança.

A mobília do quarto deve ser a primeira a ser instalada na nova casa. Atente-se para colocar os mesmos comedouros, sua cama predileta, bebedouros, brinquedos e sua caixa de areia neste quarto. Aguarde o seu gato se sentir confortável, os sinais para identificar isso é que ele se alimente, se hidrate, ou faça algum tipo de interação com os objetos alocados no quarto.

Após isso é hora de liberar os outros ambientes aos poucos, vá apresentando cada cômodo para seu gato, levando seus brinquedos favoritos para estes ambientes, deixe-o explorar todo interior da casa, é muito importante que nos primeiros 15 dias você mantenha todas as portas e janelas fechadas para que seu gato entenda que ali é um ambiente seguro, e que também é seu novo lar.

Seja cauteloso ao permitir que seu gato tenha acesso não supervisionado à cozinha ou à lavanderia, já que gatos particularmente em momentos de estresse muitas vezes procuram refúgio em espaços estreitos, como atrás de eletrodomésticos por exemplo.

Se o seu gato estiver muito ansioso, é aconselhável colocá-lo em um hotel para gatos ou chamar um profissional no dia anterior à mudança e, em seguida, buscá-lo após todo o processo de mudança ter sido estabelecido.

Transportando seu gato…

Se o seu gato é extremamente ansioso e seus comportamentos na hora da mudança podem colocar em risco sua integridade física, é interessante você conversar com seu veterinário para verificar a possibilidade de aplicar um sedativo leve ou algum calmante natural.

Alimente seu gato normalmente, e garanta que o horário das refeições seja pelo menos de três horas antes da mudança.

Transporte seu gato em uma caixa própria para transporte de gatos.

Coloque a caixa de transporte no assento de trás e prenda-o com o cinto de segurança, de forma que a caixa fique bem fixa e não se movimente.

Não transporte jamais o seu gato no porta-malas do carro ou no caminhão de mudança.

Se for uma viagem longa, você pode parar de tempos em tempos para oferecer água, embora a maioria dos gatos não esteja interessada neste momento de transição.

Se for um dia quente, verifique se o carro está bem ventilado, Jamais deixe o gato dentro de um carro abafado e se você parar por um tempo deixe alguém supervisionando o gato, nunca deixe ele sozinho dentro do carro.

Ajudando seu gato a se adaptar a nova casa…

Mantenha seu gato dentro de casa por pelo menos duas semanas para se acostumar com o novo ambiente.

Forneça pequenas refeições de forma mais frequente.

Se esforce para manter as rotinas adotadas em sua casa anterior para fornecer continuidade e familiaridade para o gato.

Ajude seu gato a se sentir seguro em sua nova casa, espalhando seu próprio perfume por toda a casa. Pegue um pano de algodão macio e esfregue seu gato suavemente ao redor das bochechas e de sua cabeça para coletar o cheiro das glândulas em volta do rosto.

Esfregue este pano contra os cantos das portas, paredes e móveis na altura do gato para ajudá-lo a se familiarizar com o seu território o mais rápido possível. Repita esse processo diariamente até começar a ver seu gato se esfregando nos objetos da casa.

E é isso, espero que tenha ajudado! E não se esqueça de manter sua casa segura, para que o seu gato não vá para a rua, a Rollercat pode sempre te ajudar com isso! Acesse agora: www.rollercat.com.br

Um abraço, Gustavo da Rollercat Brasil.

Sobre Gustavo da Rollecat Brasil

Gustavo, empresário paulista de 29 anos, é segundo a comunidade Gateira, o criador da principal empresa especialista em soluções para conter a fuga de gatos. Sua empresa é indiscutivelmente a pioneira e a mais focada nesses métodos no Brasil. Ao longo do tempo desenvolveu soluções capazes de resolver um grande problema que tira o sono de milhares de Gateiros espalhados pelo Brasil, a fuga de seus gatos, que põe em risco a vida do animal e a paz de seus proprietários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *